Pagamento do PIS-Pasep 2021 adiado para 2022

O Pagamento do PIS-Pasep 2021 adiado para 2022! Por esta notícia ninguém esperava, muitos estavam contando com este dinheiro para organizar as contas. Saiba aqui tudo sobre o adiamento do PIS.

Como todos sabem o pagamento do abono salarial do PIS-PASEP começa no segundo semestre de todo ano, mas infelizmente, neste ano vai ser diferente, o pagamento do PIS-Pasep 2021 adiado para 2022. Este valor é referente ao ano-base 2020, se já era confuso para muitos trabalhadores por causa do ano-base e o ano de pagamento, agora vai ficar muito mais.

Por que o Pagamento do PIS-Pasep 2021 adiado para 2022?

Por uma decisão da Controladoria-Geral da União e com uma resolução do Conselho Deliberativo do Fundo de Amparo ao Trabalhador (Codefat), que alterou as datas de pagamento do Programa de Integração Social (PIS) e do Programa de Formação do Patrimônio do Servidor Público (Pasep).

Essa decisão não teve uma explicação do Mistério da Economia. para o Orçamento deste ano, que ainda não foi votado, há uma previsão de gastos de R$ 18,1 bilhões com o abono salarial, porém já foram gastos R$ 10,5 bilhões para pagar o restante do calendário de 2020/2021 do ano-base 2019, ou seja, para quem trabalhou durante o 2019. Fazendo o cálculo certo, ficaria para o abono salarial do PIS-PASEP 2021 o valor de R$ 7,6 bilhões, mas mesmo com este valor para ser usado em 2021, foi decidido adiar o pagamento para 2022.

Pagamento do PIS-Pasep 2021 adiado para 2022

Como deveria ser?

O pagamento do abono salarial deveria começar a ser pago no segundo semestre de 2021 para aqueles com nascimento entre julho e dezembro, já os nascidos entre janeiro e junho, o pagamento deveria ser até março de 2022 ou o dígito final da inscrição do servidor público, no caso do Pasep. Aconteceu assim até este ano, o pagamento do PIS-PASEP para quem trabalhou em 2019, começou a ser pago em julho de 2020 conforme mês de nascimento e foi concluído em fevereiro 2021, mas ainda quem não sacou tem até dia 30 de junho para sacar.

Quem não sacar até o dia 30 de junho de 2021, o dinheiro vai voltar para o FAT – Fundo de Amparo ao Trabalhador .

Com essa alteração, os trabalhadores terão que se reprogramarem para receber em 2022.  Então quem está dentro dos requisitos, conforme as regras para receber o PIS 2021, ano-base 2020, saiba que só começará o pagamento em 2022.

Quem tem direito ao PIS

Para ter direito ao PIS 2021, ano-base 2020, pagamento 2022 terá que estar dentro destas regras:

  • Ter 5 anos de cadastro no PIS-PASEP;
  • Ter recebido média salarial de até dois salários-mínimos;
  • Trabalhado de carteira assinada por pelo menos 30 dias em empresa inscrita no Fundo PIS-PASEP;
  • Ter seus dados informados na RAIS/e-Social.

O valor é pago de acordo com a quantidade de meses trabalhados.

O que é PIS e PASEP

Sempre é bom relembrar o que é o PIS e o PASEP. Eles tem siglas diferentes, mas são benefícios destinados a trabalhadores de baixa renda, conforme Lei 7858 de 1989.

  • PIS significa Programa de Integração Social. É destinado aos trabalhadores da iniciativa privada e é pago pela Caixa Econômica Federal;
  • Pasep significa Programa de Formação do Patrimônio do Servidor Público. É destinado aos funcionários do setor público e é pago pelo Banco do Brasil.

Nos últimos anos, o benefício trabalhista começava a ser pago no segundo semestre de cada ano e terminava de ser pago no primeiro semestre do ano seguinte, obedecendo ao mês de nascimento do trabalhador, no caso do PIS, ou o dígito final da inscrição do servidor público, no caso do Pasep. Agora, o pagamento só começará no primeiro semestre do exercício fiscal seguinte.

O Pagamento do PIS-Pasep 2021 adiado para 2022 e o CODEFAT

O Codefat também decidiu que, a partir de 2022, o abono será pago sempre no primeiro semestre de cada ano. As datas de pagamento só serão divulgadas no início do próximo ano, quando a base de dados enviada pelos empregadores a partir de outubro de 2021 terminar de ser processada e a lista de beneficiários for concluída.

Segundo a Secretaria de Trabalho do Ministério da Economia, a mudança foi necessária para evitar o descumprimento de regras contábeis e financeiras, impedindo que despesas fossem divididas em dois anos. O órgão afirma que a medida não teve objetivo fiscal, no entanto, o adiamento resultará na economia de R$ 7,45 bilhões neste ano.

Mas muito trabalhadores vão ficar com dúvida de quanto vai receber, veja abaixo:

Quanto vou receber de PIS-Pasep em 2022?

Como o valor é pago de acordo com o valor do salário-mínimo vigente, ainda nãos e sabe qual será o valor, não há um valor preciso, isso levando em consideração a lógica de pagamento de todos os anos, mas pode ser que o governo considere o ano do salário mínimo 2021, como há poucas informações, queremos que você não tenha surpresa, tudo é possível!

Mas vamos levar em consideração o valor de 2021. Para saber o valor do abono salarial que vai receber vai depender da quantidade de meses que trabalhou em 2020. O valor máximo é de R$ 1.100 (em 2021).

Se por exemplo você trabalhou 4 meses em 2020, vai receber o equivalente a R$ 367,00; caso tenha trabalhado por 12 meses vai receber o valor integral de R$ 1.100. Aqui temos um artigo explicando tudo sobre o cálculo do PIS-PASEP.

Considerações sobre o pagamento do PIS-Pasep 2021 adiado para 2022

Agora já sabe que não poderá fazer planos com esta grana que iria receber este ano, no caso dos que receberiam no primeiro semestre. É torcer para que o valor do abono seja o equivalente aao do salário-mínimo 2022, que ainda não foi definido.

Se tiver dúvida eixe nos comentários. Aproveite e compartilhe esta informação.

Rate this post

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Top